Levantamento Topográfico e Planta da Prefeitura diferentes? E agora?

Oi! Confesso que estava com saudades de postar aqui! Falar de prefeitura me faz bem! Gosto de entender sobre as leis! Mas antes de qualquer coisa, espero que vocês entendam que eu não sou a sabe tudooooo de prefeitura não hein! Ainda tenho muito o que aprender e conto com a ajuda de muita gente para fazer esse blog aparecer! Mesmo assim, obrigada a todos pelo carinho de sempre! Como já disse a algumas pessoas: é sempre bom ter um retorno sobre o blog! Isso demonstra que o seu trabalho não esta sendo em vão! 


Queridos, o tema de hoje é, digamos, uma "Pegadinha do Malandro" das prefeituras. Se você ainda não pegou nenhum projeto onde a área do Levantamento Topográfico é diferente da Planta da Prefeitura, prepare-se isso ainda irá acontecer com você! E você cliente, se sabe que isso é um fato no seu terreno, avise logo ao seu arquiteto antes de projetar! Por que? Eu explico!
Um exemplo real: Quando o levantamento topográfico de um cliente chegou até mim, vi pela informação básica, que ele estava diferente da Planta de Prefeitura, a famosa planta CP. Opa! Algo estava 'errado'! Sendo assim fui até a prefeitura e a pessoa que estava no Plantão Técnico me informou o seguinte: Tudo bem, você pode fazer o projeto neste terreno, desde que respeitando os limites da Planta CP. Oba! Já tinha o que eu queria! Ideias a mil, projeto em execução... Pouco tempo depois: primeira análise de projeto. E eis a surpresa: eu poderia sim, ter construído neste terreno com esses levantamentos diferenciados, desde que, respeitasse a PIOR SITUAÇÃO. E querem saber o que isso significa? Se você tem um terreno real maior do que o que está na Planta CP, você tem que respeitar os afastamentos frontal e lateral da Planta CP. "Mas isso é um absurdo, o que eu irei fazer com o restante do meu lote, deixar para a prefeitura? Estou perdendo dinheiro nisso", dizem todos os clientes.
Infelizmente é assim. Regras são regras, e estão ai para ser cumpridas. A única opção do cliente é fazer uma retificação de área pedindo para que está seja inclusa no seu terreno. Em Contagem, esse processo demora cerca de 6 meses, e pode ser vetado se houver invasão de logradouro ou caso o vizinho lateral não concordar. Nunca fiz esse processo em Belo Horizonte, mas vou procurar saber como é. 


Amigos, clientes, conhecidos e desconhecidos... esse post foi feito devido a este mesmo fato ter acontecido com outro arquiteto amigo! E ele, como eu, projetou com os afastamentos errados. Moral da história, outro projeto para nós dois. 


Fiquem ligados, procurem se informar. O blog ta aí pra isso e o Chat da SMARU tb! Se não entenderem algo, mandem emails, terei um enorme prazer de ajuda-los!


Fiquem bem! Abraços!
Share on Google Plus

About Projetar e Aprovar Arq. Ciça Barros

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.